Trekking no Caraça

8 de fevereiro de 2009 Sem comentários

No dia 08 de fevereiro, o Santuário do Caraça abriu suas portas para receber centenas de competidores para a segunda etapa do Circuito Mineiro de Trekking 2009, um grupo muito especial de atletas com consciência ecológica e amor à natureza. Foram muitas as trilhas e os quilômetros percorridos, embaixo de sol escaldante e de chuva torrencial. Mas a garra e o entusiasmo de nossos atletas não se deixaram vencer!

trekking01  trekking02

Ao final, depois de muitos caminhos e da experiência caracense, experiência esta que transforma e ilumina a vida de todos os que sobem esta Serra, o resultado foi o seguinte: em primeiro lugar, a equipe “Los Traíras”; em segundo lugar, a equipe “Os Lana & Cia / Móveis Paula”; e em terceiro lugar, os “Trupikeiros”. No entanto, a vitória destas equipes é apenas uma amostra do grande benefício que todos receberam: estar no Santuário do Caraça, neste verdadeiro paraíso cravado na Serra do Espinhaço, é verdadeiramente enriquecedor. Com efeito, todos são vencedores! A beleza deste lugar, a grandiosidade de suas montanhas, a energia de suas cachoeiras, o frescor de suas águas, o impacto da visita do lobo guará (presenciada por muitos!), o exercício físico feito em contato direto com a natureza e em sua proteção, a oportunidade de estar junto e partilhar com as próprias experiências com as pessoas, tudo isso encanta a vida e ilumina a existência de todos os que vêm ao Caraça.

trekking03  trekking04 Ademais, não podemos deixar de citar a dimensão social do Minas Trekking, que é uma de suas marcas mais importantes: unir esporte e vida, natureza e comunidade, atletas e pessoas carentes. Para nossa alegria e bem dos mais necessitados, mais de 700 kg de alimento foram doados à Comunidade do Sumidouro, na baixada caracense. Por fim, nosso mais vivo desejo é que este Santuário possa ser sempre e cada vez mais um lugar para atletas e esportistas, amantes da natureza e trilheiros, enfim, para todos os que, fazendo uma opção de vida mais saudável e fraterna, queiram se aventurar pelos caminhos ecológicos percorridos pelo Irmão Lourenço no século XVIII!

trekking03  trekking04

Enviar um comentário

Seu e-mail não será publicado. Preencha os campos abaixo.